quarta-feira , dezembro 12 2018
Home / Colunas / Command Beacon / Core Set 2019: O que há de novo para o Commander? (Parte 3)

Core Set 2019: O que há de novo para o Commander? (Parte 3)

Olá senhoras e senhores!
Bem vindos ao Command Beacon, a nossa coluna sobre Commander multiplayer aqui na Eternal Magic!

No nosso artigo anterior, trouxe a vocês a análise das cartas Brancas, Azuis e Pretas de M19. Você pode fazer a leitura clicando aqui. Não deixe de ler também a primeira parte, sobre as criaturas lendárias da coleção, clicando aqui.

Vamos então a análise de hoje. Analisarei as cartas Vermelhas, Verdes, Multicoloridas e Incolores. Vale lembrar que só analisarei as novas cartas que considero minimamente relevantes, tanto em metas competitivos quanto em casuais. Caso tenha dúvida de algum termo que eu utilize, não se esqueça de conferir nosso glossário com os termos usados no Commander, clicando aqui.

[mana]R[/mana] Cartas Vermelhas [mana]R[/mana]

  • [mtg_card]Apex of Power[/mtg_card]

Cartas de custo altíssimo como [mtg_card]Apex of Power[/mtg_card] costumam chamar muito atenção com efeitos dramáticos como [mtg_card]Decree of Annihilation[/mtg_card], [mtg_card]Dragonstorm[/mtg_card], [mtg_card]Warp World[/mtg_card], [mtg_card]Scrambleverse[/mtg_card] e [mtg_card]Inssurrection[/mtg_card]. Por um custo de 10 manas, na prática é como se comprasse 7 cartas e tivesse 10 manas de uma cor para usá-las. Eu particularmente não gosto. Primeiro por ainda necessitar pagar os custos, sendo que as manas geradas são de apenas uma cor, o que deve limitar o uso dessa carta a decks Mono-Red. Além disso, abre a possibilidade para exilar 7 cartas ruins (incluindo terrenos) e sem impacto algum ao jogo. Óbvio, com um pouco de sorte também pode ser uma carta que vira completamente o jogo. Se você quiser realmente usá-la de um modo eficiente, recomendo em um decks que gerem quantias absurdas de mana e precisem desesperadamente comprar cartas em grandes quantidades para usá-la, como [mtg_card]Neheb, the Eternal[/mtg_card] e [mtg_card]Grand Warlord Radha[/mtg_card]. Ou que burlem custos de mana, como [mtg_card]Narset, Enlightened Master[/mtg_card], [mtg_card]Jeleva, Nephalia’s Scourge[/mtg_card] e especialmente em [mtg_card]Etali, Primal Storm[/mtg_card].

  • [mtg_card][/mtg_card]

[mtg_card]Dark-Dweller Oracle[/mtg_card] é um Goblin com algum potencial a ser explorado. Por um custo justo, é um sac outlet e fonte de Card Advantage, sendo uma opção concreta para decks que tenham grande quantidade de criaturas sacrificáveis e e necessidade de um fôlego extra. Importante lembrar também que pode se encaixar em decks que consigam combar com mana infinita, sacrificando o próprio comandante para poder conjurar todo o deck. Pode fazer algum estrago em [mtg_card]Kresh the Bloodbraided[/mtg_card], [mtg_card]Marchesa, the Black Rose[/mtg_card], [mtg_card]Breya, Etherium Shaper[/mtg_card], [mtg_card]Sek’Kuar, Deathkeeper[/mtg_card], [mtg_card]Omnath, Locus of Rage[/mtg_card], [mtg_card]Krenko, Mob Boss[/mtg_card] e [mtg_card]Prossh, Skyraider of Kher[/mtg_card].

  • [mtg_card]Doublecast[/mtg_card]

Mais uma carta na família de [mtg_card]Fork[/mtg_card] e [mtg_card]Reverberate[/mtg_card]. Copiar mágicas instantâneas e feitiços pode ser especialmente proveitoso em decks que precisem massivamente de mana (copiando efeitos como [mtg_card]Seething Song[/mtg_card]) ou efeitos de [mtg_card]Wheel of Fortune[/mtg_card]. Óbvio, perde muito de seu potencial por não ser um efeito instantâneo, o que limita seu uso como uma resposta. Mas assim como os outros efeitos de cópia, quando usado de modo proativo pode fazer algum estrago. Pense na graça de conjurar [mtg_card]Doublecast[/mtg_card] sequenciado por [mtg_card]Howl of the Horde[/mtg_card] após um ataque, aliado a a uma roda em um [mtg_card]Nekusar, the Mindrazer[/mtg_card] ou mesmo em um [mtg_card]The Locust God[/mtg_card]. A título de curiosidade: são 28 cartas compradas.

  • [mtg_card]Goblin Trashmaster[/mtg_card]

Artefatos são um dos tipos de cards mais perigosos no Commander. São ferramentas de controle, aceleradores e peças de combo fundamentais. O fato de poder destruí-los de modo instantâneo, por um custo baixo como um sacrifício de um Goblin e poder usá-lo múltiplas vezes tornam o [mtg_card]Goblin Trashmaster[/mtg_card] uma adição poderosíssima a alguns decks, podendo inverter a balança de um jogo muitas vezes perdido. De bônus ainda é um lorde para a tribo, aumentando o poderio do exercito Goblin. Alegrem-se jogadores de [mtg_card]Krenko, Mob Boss[/mtg_card], [mtg_card]Wort, Boggart Auntie[/mtg_card], [mtg_card]Purphoros, God of the Forge[/mtg_card] e [mtg_card]Kiki-Jiki, Mirror Breaker[/mtg_card]. A mãe Wizards olhou por vocês.

  • [mtg_card]Sarkhan, Fireblood[/mtg_card]

Como eu havia dito no começo do meu primeiro artigo sobre M19, essa coleção é o paraíso para o jogador casual de Commander. E nada grita mais “Casual” que “Tribal de Dragões”. [mtg_card]Sarkhan, Fireblood[/mtg_card] vem como mais uma forma de suporte para a tribo na forma de um planeswalker de 3 manas. A primeira habilidade +1 é um looting ruim, descartando antes da compra, mas que pode ser útil em algumas estratégias de reanimação (quem sabe em um [mtg_card]Bladewing the Risen[/mtg_card]?). O que torna o card realmente interessante para a temática é sua segunda habilidade +1, podendo adicionar 2 manas de qualquer combinação de cores para conjurar Dragões, útil tanto para um tribal ([mtg_card]The Ur-Dragon[/mtg_card], [mtg_card]Scion of the Ur-Dragon[/mtg_card], [mtg_card]Lathliss e Dragon Queen[/mtg_card]), quanto para alguma estratégia liderada por algum dragão no qual seja fundamental sua presença ([mtg_card]Atarka, World Render[/mtg_card], [mtg_card]Kolaghan, the Storm’s Fury[/mtg_card], [mtg_card]Crosis, the Purger[/mtg_card], [mtg_card]Nicol Bolas[/mtg_card], [mtg_card]Nicol Bolas, the Ravager[/mtg_card], [mtg_card]Niv-Mizzet, the Firemind[/mtg_card], [mtg_card]Palladia-Mors, the Ruiner[/mtg_card] e [mtg_card]Vaevictis Asmadi, the Dire[/mtg_card]). O ultimate de -7 é quase um bônus, é extremamente lento e quase irrelevante, criando 4 fichas de Dragão. Em decks que funcionam com [mtg_card]Utvara Hellkite[/mtg_card] isso não é nada.

  • [mtg_card]Sarkhan’s Unsealing[/mtg_card]

[mtg_card]Sarkhan’s Unsealing[/mtg_card] é realmente interessante em decks Big Aggro e até mesmo em Voltrons, sendo um encantamento de efeito semelhante, porém de menor custo, que [mtg_card]Where Ancients Tread[/mtg_card] e o popular [mtg_card]Warstorm Surge[/mtg_card]. Conjurações de criaturas com poder 4, 5 ou 6 já são suficientes para remover pontualmente, com 4 pontos de dano, diversas criaturas e planeswalkers, bem como minar os pontos de vida de um oponente. Por si só, já é um ótimo efeito. Mas o que traz um brilho especial ao encantamento é conjurar uma criatura com poder 7, o que permitirá limpar o campo de um oponente, retirando basicamente tudo que tiver resistência menor que 4, o que é ótimo para limpar um campo de bloqueadores ou mesmo de mana dorks. Se você joga com um deck abarrotado de criaturas de poder 4 ou superior, deve considerar usar [mtg_card]Sarkhan’s Unsealing[/mtg_card]. Especialmente se você joga com algum comandante de poder 7 ou mais, como [mtg_card]Zurgo Helmsmasher[/mtg_card], [mtg_card]Zacama, Primal Calamity[/mtg_card], [mtg_card]Ruhan of the Fomori[/mtg_card], [mtg_card]Nicol Bolas[/mtg_card], [mtg_card]Maelstrom Wanderer[/mtg_card] e [mtg_card]Lord of Tressehorn[/mtg_card].

  • [mtg_card]Thud[/mtg_card]

Gosta de arremessar criaturas gigantes nos oponentes? [mtg_card]Thud[/mtg_card] é seu [mtg_card]Fling[/mtg_card] em velocidade de feitiço por apenas [mana]r[/mana]. [mtg_card]Xenagos, God of Revels[/mtg_card], [mtg_card]Kresh the Bloodbraided[/mtg_card], [mtg_card]Brion Stoutarm[/mtg_card], [mtg_card]Thromok the Insatiable[/mtg_card], [mtg_card]Yasova Dragonclaw[/mtg_card] e [mtg_card]Marchesa, the Black Rose[/mtg_card] apreciam.

[mana]G[/mana] Cartas Verdes[mana]G[/mana]

  • [mtg_card]Elvish Rejuvenator[/mtg_card]

[mtg_card]Wood Elves[/mtg_card], e em menor escala, [mtg_card]Farhaven El[/mtg_card]f, são boa escolhas de ramps em algumas opções de decks que se importam em ter criaturas, seja por abusar de recursão, como [mtg_card]Meren of Clan Nel Toth[/mtg_card], seja por realmente necessitar de criaturas para seu plano de jogo funcionar, como [mtg_card]Animar, Soul of Elements[/mtg_card]. Porém em decks com maior quantidade de cores acabam por esbarrar na constituição da própria base de mana, especialmente [mtg_card]Farhaven Elf[/mtg_card]. [mtg_card]Elvish Rejuvenator[/mtg_card] pode ser interessante por simplesmente poder pegar qualquer terreno que esteja entre as 5 do topo, não interessando se você não tem mais nenhuma Floresta no deck ou qualquer outro terreno básico. Pode inclusive pegar aquele belo [mtg_card]Gaea’s Cradle[/mtg_card] que está no topo do deck. Enfim, se você joga com esses elfos que citei, considere a opção de usar também [mtg_card]Elvish Rejuvenator[/mtg_card].

  • [mtg_card]Gigantosaurus[/mtg_card]

Simples, grande e brutal. Uma criatura 10/10 por 5 manas, [mana]ggggg[/mana]. Não é um custo tão simples para ser pago com rapidez, necessitando de geradores de mana verde, o que deve limitar seu uso a decks Mono-Green, ou que tenham splash para outras cores de forma muito sutil. Então, como abusar desse rapaz? Primariamente, Devoção. [mtg_card]Nylea, God of the Hunt[/mtg_card] e [mtg_card]Nykthos, Shrine to Nyx[/mtg_card] são escolhas óbvias, mas acredito que vale citar [mtg_card]Karametra, God of Harvests[/mtg_card], [mtg_card]Kruphix, God of Horizons[/mtg_card], [mtg_card]Pharika, God of Affliction[/mtg_card], [mtg_card]Xenagos, God of Revels[/mtg_card], todos deuses que atingem a devoção necessária para virar criaturas assim que nosso [mtg_card]Gigantosaurus[/mtg_card] encosta suas patas no campo de batalha. Além disso, é uma adição brutal para outro dinossauro, [mtg_card]Ghalta, Primal Hunger[/mtg_card], tornando-a uma singela criatura 12/12 Atropelar por apenas [mana]gg[/mana].

  • [mtg_card]Hungering Hydra[/mtg_card]

Não sou grande fã de Hidras, mas esse é um dos tipos de criaturas que mexe com o coração de muito jogador. [mtg_card]Hungering Hydra[/mtg_card] pode ficar muito grande com abundância de mana e mesmo que seja conjurada no inicio do jogo, pode vir a crescer através do combate, sendo bloqueada ou servindo como bloqueadora.  Me parece uma adição certa para [mtg_card]Grothama, All-Devouring[/mtg_card], que permitirá que a hidra cresça com certa facilidade.

  • [mtg_card]Prodigious Growth[/mtg_card]

Voltron Aggro tem um objetivo claro: causar 21 pontos de dano de Comandante, de preferência o mais rápido possível. Para isso é necessário poder bruto e alguma forma de evasão, para não ser parada por qualquer Esquilo 1/1. [mtg_card]Prodigious Growth[/mtg_card], apesar do custo 6, fornece ambos, simples e direto: +7/+7 e Atropelar. É o que há de melhor por ai? Não. Mas as vezes o que você precisa é de mais uma opção.

  • [mtg_card]Runic Armasaur[/mtg_card]

[mtg_card]Runic Armasaur[/mtg_card] é uma Dinossauro que deve agradar jogadores casuais e competitivos. Custo baixo e um bom corpo defensivo, aliado a uma excelente habilidade. Muitos não percebem, mas comprar cartas muitas vezes é o que ganha jogo e dá consistência a muitos decks. Próxima partida, pare e observe: caso tivesse [mtg_card]Runic Armasaur[/mtg_card] em jogo, quantas cartas compraria em uma mesa? Estouraram Fetch Land? Compra. Alguém usou [mtg_card]Strip Mine[/mtg_card]? Compra. [mtg_card]Yisan, the Wanderer Bard[/mtg_card] de um oponente tutorou? Compra. [mtg_card]Deathrite Shaman[/mtg_card] exilou terreno para gerar mana? Compra (e sim, curiosamente a habilidade do Xamã não é uma habilidade de mana). Na prática, [mtg_card]Runic Armasaur[/mtg_card] vai ser uma espécie de [mtg_card]Rhystic Study[/mtg_card] Verde e com corpo 2/5.

  • [mtg_card]Talon of Wildwood[/mtg_card]

Mais uma opção de pump para Voltrons Aggro. Um pontinho de poder a mais, acompanhado de evasão na forma de Atropelar. Caso a criatura ou encantamento sejam resolvidos, ainda possui uma habilidade recursiva embutida. [mtg_card]Uril, the Miststalker[/mtg_card] e [mtg_card]Rafiq of the Many[/mtg_card] gostam.

  • [mtg_card]Vivien Reid[/mtg_card]

[mtg_card]Vivien Reid[/mtg_card] é a nossa nova planeswalker verde, que por 5 manas entra com 5 marcadores de lealdade. Com +1, fornece Card Advantage, selecionando um terreno ou criatura dentre as 4 cartas do topo. Por -3 temos uma habilidade relevante, destruindo um artefato, encantamento ou até mesmo uma criatura com Voar. Essa habilidade deve fazer com que [mtg_card]Vivien Reid[/mtg_card] compita diretamente com [mtg_card]Freyalise, Llanowar’s Fury[/mtg_card] em um deck toolbox de [mtg_card]Captain Sisay[/mtg_card]. Por fim, sua última habilidade ajusta a lealdade em -8, colocando um emblema que não finaliza o jogo naquele momento, mas encaminha bem caso tenha uma mesa bem construida, fornecendo +2/+2, Vigilância, Atropelar e Indestrutível para suas criaturas. Deve bastar. No geral, porta é uma planeswalker justa. Se seu meta comporta justiça, é válida. Se não, passe longe.

  • [mtg_card]Vivien’s Invocation[/mtg_card]

Efeitos que burlam custos de criaturas pesadas para o campo de batalha são uma especialidade verde. Já vimos esse tipo de efeito em cartas como [mtg_card]Lurking Predators[/mtg_card], [mtg_card]Summoning Trap[/mtg_card], [mtg_card]Selvala’s Stampede[/mtg_card] e [mtg_card]See the Unwritten[/mtg_card]. Fundamentais em Big Aggro. [mtg_card]Vivien’s Invocation[/mtg_card] não é tão efetiva quanto as demais por possui um alto custo 7, porém seu atrativo é funcionar também como uma remoção para criaturas dos oponentes, o que pode pesar a seu favor em algumas situações.

[mana]UWBRG[/mana] Cartas Multicoloridas[mana]UWBRG[/mana]

  • [mtg_card]Poison-Tip Archer[/mtg_card]

Mais um companheiro para o clube de [mtg_card]Zulaport Cutthroat[/mtg_card], [mtg_card]Blood Artist[/mtg_card] e [mtg_card]Falkenrath Noble[/mtg_card], fundamentais em decks que combem gerando loops de sacrificios. [mtg_card]Poison-Tip Archer[/mtg_card] é menos eficiente que os 2 primeiros, mas caso faça muita questão de mais uma cópia funcional dessa habilidade de dreno, vá em frente. Ao menos Alcance e Toque Mortífero devem inibir ataques displicentes.

  • [mtg_card]Satyr Enchanter[/mtg_card]

A temática de Enchantress é uma realidade no Commander e no Magic de forma geral a muito tempo e quantia de cartas que permitem comprar cartas mediante a entrada de encantamentos é até alta: [mtg_card]Mesa Enchantress[/mtg_card], [mtg_card]Eidolon of Blossoms[/mtg_card], [mtg_card]Argothian Enchantress[/mtg_card], [mtg_card]Enchantress’s Presence[/mtg_card] e [mtg_card]Verduran Enchantress[/mtg_card]. [mtg_card]Satyr Enchanter[/mtg_card] vem se somar a esses efeitos dando ainda mais consistência a esse tipo de estratégia.  Lembre-se também que o deck Adaptative Enchantment, de Commander 2018 (ao qual falarei muito em breve) é uma realidade e também abusa desse tipo de mecânica. Se pretende ter esse deck ou investir nesse tipo de estratégia, garanta seu [mtg_card]Satyr Enchanter[/mtg_card].

[mana]C[/mana] Cartas Incolores[mana]C[/mana]

  • [mtg_card]Amulet of Safekeeping[/mtg_card]

Caso tenha um meta bem conhecido, [mtg_card]Amulet of Safekeeping[/mtg_card] pode ser uma ótima ferramenta de Stax/Pillowfort. Seus oponentes abusam de fichas? Garanta que não sejam um problema para suas defesas. Um dos combos mais comuns dos oponentes envolvem dar alvo em você várias vezes, como por exemplo[mtg_card]Triskelion[/mtg_card] + [mtg_card] Mikaeus, the Unhallowed[/mtg_card]? A sua resposta pode ser esse artefato de custo 2. Porém, usá-lo depende de uma leitura acertada do seu metagame, pois existe uma chance alta de [mtg_card]Amulet of Safekeeping[/mtg_card] ser completamente irrelevante se mal encaixada.

  • [mtg_card]Chaos Wand[/mtg_card]

Você é um apreciador do caos? Aprecia efeitos completamente inesperados? Gosta de usar as cartas dos seus amiguinhos? [mtg_card]Chaos Wand[/mtg_card] pode ser uma ferramenta divertida em suas mãos e deve render bons momentos na mesa da cozinha.

  • [mtg_card]Desecrated Tomb[/mtg_card]

[mtg_card]Desecrated Tomb[/mtg_card] abre possibilidade para alguns loopings de sacrifício gerarem fichas infinitas. Clássicos como [mtg_card]Nim Deathmantle[/mtg_card] + [mtg_card]Ashnod’s Altar[/mtg_card] se tornam mais simples, já que a criatura sacrificada não precisará gerar fichas, pois esse papel será cumprido pela tumba. [mtg_card]Rooftop Storm[/mtg_card] + [mtg_card]Phyrexian Altar[/mtg_card] + [mtg_card]Gravecrawler[/mtg_card] já possibilitam um exército de Morcegos. As opções estão abertas. Mesmo que não venha a usar como forma de combo, se você consegue reanimar ou exilar criaturas de maneira massiva de seu cemitério, já justifica seu uso. [mtg_card]Pharika, God of Affliction[/mtg_card] por exemplo, exilará uma criatura de seu cemitério e irá gerar 1 Morcego e 1 Cobra. Vai ser bom? Não. Mas vai cair no gosto de muita gente.

  • [mtg_card]Detection Tower[/mtg_card]

[mtg_card]Arcane Lighthouse[/mtg_card] 2.0. Uma versão um pouco piorada, pois não retira a habilidade Manto e além disso permite que Resistência a Magia seja fornecida depois. De qualquer forma, se você joga com muitas remoções pontuais, ou comandantes como [mtg_card]Meriek Ri Berit[/mtg_card], você deve usar esses 2 terrenos.

  • [mtg_card]Diamond Mare[/mtg_card]

Mais uma opção consistente para usar em [mtg_card]Karlov of the Ghost Council[/mtg_card] e deixá-lo enorme em uma velocidade estonteante.

  • [mtg_card]Meteor Golem[/mtg_card]

Certas cores possuem dificuldades para lidar com determinados tipos de permanentes. Por exemplo, Preto praticamente não lida com encantamentos e artefatos, assim como Vermelho sofre para encantamentos. [mtg_card]Meteor Golem[/mtg_card] vem como mais uma opção ruim ao lado de [mtg_card]Unstable Obelisk[/mtg_card], [mtg_card]Scour from Existence[/mtg_card], [mtg_card]Universal Solvent[/mtg_card] e [mtg_card]Spine of Ish Sah[/mtg_card]. Porém, possui uma vantagem em relação a essas outras cartas: por ser uma criatura, pode ser reanimada com facilidade, o que permite burlar esse elevado custo 7. Em contrapartida, sofre para [mtg_card]Torpor Orb[/mtg_card].

  • [mtg_card]Sigiled Sword of Valeron[/mtg_card]

Inclusão automática para [mtg_card]Aryel, Knight of Windgrace[/mtg_card] e sua cavalaria. Se você pretende vencer pelos números em uma estratégia Linear Aggro baseada em Cavaleiros, não pense duas vezes. Possui custos razoáveis, aumenta de +2 do poder não é tão simplório e de bônus ainda fornece Vigilância enquanto cresce a mesa a cada novo ataque.

  • [mtg_card]Trasmogrifying Wand[/mtg_card]

A sua dificuldade é em se livrar de criaturas problemáticas? Acha que suas remoções pontuais não são suficientes? Seus problemas acabaram! Que tal transformar as criaturas dos oponentes em Bois 2/4? Sua pegada é bem casual? Não tem erro. [mtg_card]Transmogrifying Wand[/mtg_card] pode não ser eficiente, mas deve gerar algumas risadas toda vez que um [mtg_card]Vorinclex, Voice of Hunger[/mtg_card] ou Kozilek, Butcher of Truth virarem Bois. Usem com moderação, pois seu uso é limitado a 3 vezes praticamente (com exceção em uma [mtg_card]Atraxa, Praetors’ Voice[/mtg_card] ou em um [mtg_card]Vorel of the Hull Clade[/mtg_card]).

Finalmente finalizamos M19, com um certo atraso infelizmente, mas como disse no primeiro artigo: antes tarde do que nunca! Espero que eu tenha aberto novas possibilidades e que tenha sido uma leitura proveitosa. Críticas, sugestões e elogios sempre são bem vindos! A partir do próximo artigo, iniciarei minha análise dos decks de Commander 2018, começando por Exquisite Invention liderado por [mtg_card]Saheeli, the Gifted[/mtg_card]. Até a próxima!

About Mateus Nogueira

Professor da rede pública de ensino no Distrito Federal, formado em Ciências Biológicas, nerd multiclasse, já jogou e aprecia diversos formatos de Magic: the Gathering. É especialmente apaixonado pelo Commander em sua vertente multiplayer, sendo um infeliz sem alma, apreciador de Stax e Combos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *