quinta-feira , agosto 13 2020
Home / Reportagens / Anunciada uma Tundra para o Ranking de Times

Anunciada uma Tundra para o Ranking de Times

O segundo Trial vinculado ao Eternal Challenge #11, realizado neste sábado (1/2), no Sebinho Cult, foi um dos mais emocionantes desde o início da série histórica em 2018. Antes de começar o evento foi anunciado que pelo menos três times serão recompensados no fim do ano e que uma Tundra foi adicionada à pool de premiação (que já contava com 4 Show and Tell). Se tudo der certo serão alocadas old duals até a terceira colocação.

Espera-se que durante o terceiro e último Trial vinculado ao Eternal Challenge #11, no dia 15/2, sejam anunciadas outras staples para o ranking de times. Também está sendo considerada a possibilidade de se aumentar de três para quatro times contemplados ao final da temporada, tendo em vista o grande comparecimento das equipes nos Trials até o momento.

Voltando ao torneio deste sábado (1/2), o grande campeão foi Marcelo Coutinho, que terminou o dia invicto com seu BUG Zenith. O deck tem a carcaça dos midranges tradicionais com uma pitada de Natural Order, responsável por várias free wins ao colocar o Progenitus em campo. Ao final de 5 rodadas, Coutinho alcançou 13 pontos com 4 vitórias e 1 empate, obtendo assim o melhor resultado entre os 23 jogadores presentes.

Em segundo lugar ficou Diego Nunes, bicampeão do Eternal Challenge com seu poderoso Oko Foundry, mesma configuração que lhe rendeu o Top4 no Nacional Legacy. Logo em seguida seu irmão e companheiro de time, Daniel Nunes, que dessa vez apareceu com UR Delver. Com os resultados o time Nunes já se coloca na briga pelo título mesmo com apenas um torneio disputado.

Tundra garantida para o Ranking de times. Mais old duals devem entrar na pool de premiação das melhores equipes

Lucas Saliba fechou o Top4 com uma incrível mistura, dessas que só mesmo o Legacy consegue contemplar: três combos de duas cartas num mesmo deck! Isso mesmo, tem Painter’s Servant com Grindstone, Echo of Eons com Narset e Underworld Breach com Brain Freeze.

Lucas e Pedro Carvalho levaram seu time a 38 pontos, deixando boas perspectivas para o próximo torneio, quando devem contar com força máxima (Walter e João Gabriel).

Sérgio Pinto terminou em quinto lugar e premiou pela segunda vez consecutiva em Trials com seus Eldrazis. Vale lembrar que ele começou no Legacy esse ano e tem garantido ótimos resultados, mas já deixou claro que não vai descansar enquanto não faturar o título.

Completando o Top8, três grandes nomes do Legacy brasiliense: Igor Silva, Leandro Messere e Thiago Freire. Os três representam nada menos que 2 títulos e 6 Top8s em Challenges!

A menção honrosa vai para o time Heineken, que neste torneio foi representado pelos bravos Hélio Gil e Antônio Sfair. Jogando com Humans e Miracles, respectivamente, eles conseguiram o suficiente para manter sua equipe na segunda colocação da competição com 51 pontos. O Heineken conta ainda com Cairo Jaime e Rafael Zozer.

Em resumo, o Top8 ficou assim:

1- BUG Zenith (Marcelo Coutinho)
2- Oko Foundry (Diego Nunes)
3- UR Delver (Daniel Nunes)
4- Grixis Painter Echo Breach (Lucas Saliba)
5- Eldrazi (Sérgio Pinto)
6- Dnt (Igor Silva)
7- 5c Miracles (Leandro Messere)
8- UR Delver (Thiago Freire)

About Fausto de Souza

Fausto de Souza é pseudônimo do jornalista Marcelo Salles, que joga e coleciona desde 1994. Viciado nas cartinhas e em escrever, tem feito grandes amigos em toda a comunidade e é muito grato por isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *